A polícia ficou chocada ao descobrir como esse motorista estava dirigindo esse carro. Nem você acreditará nesta façanha engenhosa

O que mais se vê por aí pelas ruas são veículos que, aparentemente, não estão em nenhuma condição de serem usados. Não há quem não tenha visto alguns desses carros circulando nas ruas ou rodovias, e isso acontece em toda parte do mundo.

O grande problema é que, alguns desses carros podem oferecem perigo, não só para aqueles que viajam nele, como para os demais usuários da via.

Apesar da fiscalização ser severa em alguns países, muitos motoristas decidem arriscar e sair com seus veículos. A grande parte, é claro, são de pessoas que possuem baixa renda, e que não conseguem fazer a manutenção adequada do veículos, optando assim por usá-los até que a fiscalização os retire de circulação.

Alguns até admitem isso:

Muitos casos acontecem de carros que são apreendidos por não terem condições nenhuma de circular, mas o que deixou os policiais espantados, foi descobrir como o motorista desse carro estava dirigindo o veículo.

Segundo o site ‘Metro’, uma unidade de policiamento e armas de fogo NS Roads flagrou o motorista dirigindo o carro, acredita-se ser um Peugeot 206, que não tinha ‘volante’, banco do motorista e também parecia ter pneus vazios ilegais e parte do capô dianteiro faltando.

Para se sentar e dirigir sem volante, ele fez uma verdadeira gambiarra. Para o volante, ele colocou um alicate e para se sentar, ele usou um ‘balde’ que já estava até amassado.

Veja a imagem abaixo:

Sem contar os pneus que estavam completamente vazios.

O motorista foi parado pela força-tarefa da Polícia de Cheshire na M6 depois que os policiais avistaram o carro estranho.

“Ele não foi capaz de ver os principais instrumentos (volante) do veículo.”

Mais tarde, eles acrescentaram: “Algumas pessoas nunca deixam de nos surpreender.”

Aqui no Brasil, estima-se que 30% dos veículos que circulam apresentam alguma irregularidade. Segundo o engenheiro, mestre e doutor em engenharia de transportes, especialista em engenharia e segurança, professor Archimedes Raia Jr.

“Hoje temos uma estimativa de que cerca de 30% da frota brasileira é irregular. Alguns não têm documentação, outros estão com problemas mecânicos. Sem vistoria e fiscalização eficientes, eles continuam transitando pelas ruas e rodovias de todo o País.”

Veja também:

Dá para acreditar nesta historia?