in ,

Adolescente bate a porta de seu quarto no rosto do pai, mas reação é épica

Foto Reprodução / Brasil Universo Digital

A adolescência e seus conflitos… a adolescência surge logo depois da fase infantil, fase ao qual somos alegres e só queremos brincar e nos divertir. Quando passamos dela para a adolescência, então surgem grandes mudanças hormonais, que acarretam muitas mudanças físicas e emocionais. Nessa fase, alguns já  se acham mais independentes e pensam serem donos do próprio nariz.
O certo é que, muitos jovens nessa época ficam com os nervos a flor da pele, vem às brigas familiares e, muitas vezes, por pequenos conflitos, mas se é há uma coisa que todos nós devemos ter é respeito pelos nossos pais.
Foto Reprodução / Brasil Universo Digital
Um adolescente, em um momento de raiva e depois de uma discussão com o pai, bateu com a porta de forma agressiva no rosto dele. Hoje em dia a maioria dos pais já não agem como antigamente, alguns dariam um castigo nele, tirando algo que ele goste ou até aplicando um castigo físico. Alguns pais ainda fazem isso e tiram algo como o celular, vídeo game ou o proibiriam de entrar nas redes sociais por determinado tempo, porém esse pai se vingou de uma forma épica.
O pai combateu a falta de respeito de uma forma diferente e fantástica, para que o filho não ficasse impune, ele se dirigiu a um deposito de ferragens, comprou uma serra e voltou para casa. O resultado foi um castigo épica, o resultado foi hilário, veja na foto abaixo:
Foto Reprodução / Brasil Universo Digital

E o castigo não parou por aí, o pai resolveu deixar a porta assim até o próximo natal. Até lá, o jovem vai ficar sem sua privacidade e, provavelmente, de agora em diante, esse jovem vai pensar duas vezes antes de bater com a porta no rosto do pai.

Fonte: Brasil Universo Digital

FAÇA UM COMENTÁRIO

Gostou da postagem? Avalie Abaixo

0 points
Upvote Downvote

Total votes: 2

Upvotes: 1

Upvotes percentage: 50.000000%

Downvotes: 1

Downvotes percentage: 50.000000%

Conheça as 5 ilhas mais perigosas e mortais do mundo

Número de galáxias observáveis é 10 vezes maior do que pensávamos